DÚVIDA: O pronome EN sempre tem um referente explícito?

Mariana Lima

Mariana Lima Publicado 13/12/2016 


Olá , pessoal, 

recebi uma dúvida muito interessante que gostaria de compartilhar com toda a turma. Essa dúvida remete, aliás,  a um gabarito da prova de 2016 com o qual não concordo. Vejamos:


"Temos a frase: Invisibles, les nouvelles murailles n'en sont peut-être que plus dangereuses. 

Eu não entendi o “en”. Não encontro um partitif ou um indefini que a partícula substitua.

Eu poderia reescrevê-la assim: Invisibles, le nouvelles murailles sont peut-être les plus dangereuses des murailles?"

PERFEITA a reescritura! Como a semântica está clara, passemos à gramática.

A melhor  resposta a essa  dúvida está no Larousse: http://larousse.fr/dictionnaires/francais/en/29044

  • EN entre dans diverses locutions où on peut difficilement lui reconnaître une fonction propre : Je m'en tiens aux faits.J'en suis à m'interroger.

  • Sim, foi isso mesmo que o Larousse respondeu...nem sempre é possível encontrar um referente claro para o EN, utilizado em diversas locuções verbais SEM função pronominal definida.

  • É por esse motivo que não concordo com o gabarito definitivo da QUESTÃO 38, CACD 2016, um bom exemplo desse tipo de situação.Vejamos: 

  •  À la ligne 11, dans « il s’en tire », « en » pronominalise « la bataille de la vie ».

  • Gabarito definitivo: C

    A meu ver, o item está ERRADO- Segundo  o dicionário Larousse,  "il s'en tire" é exemplo da  locução verbal SE TIRER DE: Se sortir d'une situation délicate ou dangereuse : Il est gravement blessé, mais il s'en tirera.
    Nesse caso « en » não teria como referente  « la bataille de la vie ».


  • Bonne étude à tous!

 

Voltar ao topo
Gostou da aula?
Matricule-se já!